segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Saudação ao Sol - Exercício de Yoga

A bela sequência chamada saudação ao Sol celebra o nascer de cada dia e traz leveza e felicidade para o coração.

Uma lenda hindu relata que, há cerca de 300 anos, um sábio que sofria de hanseníase orou a Surya, o deus Sol, para obter a cura. Ele foi inspirado a escrever oito versos em sânscrito para agradar ao deus, considerado fonte da vida e força que anima nosso corpo. Quando terminou o último, estava completamente sem sintomas da doença. Por causa desse fato, os hindus acreditam que, para obter saúde, deve-se reverenciar Surya, permanecendo em pé sob o Sol, com as mãos unidas em forma de oração e os olhos fechados. Essa é uma das muitas histórias que contam a origem da saudação ao Sol (tradução literal do sânscrito surya namaskar), uma das seqüências de movimentos mais belas da ioga.

Outra lenda vai mais além no tempo e remonta à pré-história, quando o homem reverenciava Savitri, outra denominação para o mesmo deus. Seja qual for a raiz desse encadeamento de 12 posturas, uma coisa é certa: “Savitri é a inteligência que está por trás de toda criação, a fonte de todas as formas de vida”, afirma Pedro Kupfer, fundador do Instituto Dharma-Yogashala, de Florianópolis. “Por isso, reverenciá-lo conduz ao conhecimento da própria força interior e traz leveza e felicidade ao coração.”

Ainda segundo a ótica hindu, saudar o astro significa honrar tanto o Sol interior quanto o exterior, a força criativa do Universo que os iogues acreditam irradiar dentro e fora do corpo. “Diz a lenda que o Sol fica tão agradecido que um de seus raios vem habitar o plexo solar do praticante, dando calor, saúde e alegria”, conta Anna Ivanov, professora do Centro de Estudos de Yoga Narayana, de São Paulo.

Benefícios dos Pés à Cabeça

A ação da surya namaskar se estende por um vasto território que traz vantagens para o corpo todo. “Ela alonga e fortalece as principais cadeias musculares, movimenta todas as seções da coluna vertebral e equilibra o sistema respiratório”, afirma o professor Cláudio Duarte, presidente da Associação Brasileira de Yoga. E ainda há mais: a saudação ao Sol estimula a circulação sanguínea, linfática e plasmática, fortalece os nervos que revestem a coluna e ainda melhora a distribuição do líquido sinovial, que irriga cartilagens, articulações e tendões, reduzindo as chances de surgimento de doenças reumáticas.

Como tudo o que diz respeito à yoga, os asanas atuam também nas esferas emocional, psicológica e nervosa, acalmando emoções, aumentando a concentração e proporcionando estabilidade mental. “O trabalho respiratório profundo e suave que acompanha os movimentos desintoxica e purifica”, completa Duarte. “Ele limpa os nadis, os canais por onde a energia circula, e ela então é distribuída para irrigar órgãos, vísceras, tecidos e células.”

Logo Cedo


O encadeamento das posturas da saudação ao Sol pode variar entre as diferentes linhas e tradições dessa filosofia milenar. Dentro da ashtanga-vinyasa-ioga – ramo que trabalha seis séries fixas de posturas progressivamente mais exigentes –, a surya namascar pode ser feita de duas maneiras, com nove ou 15 asanas. Nessa matéria, ela é formada por uma seqüência de 12 posturas, que formam um fluxo contínuo.

No entanto, em todas elas a seqüência é executada como um aquecimento, antes dos demais asanas que fazem parte da prática. Cada movimento simula a posição dos ponteiros de um relógio imaginário e se propõe a desenvolver no praticante uma virtude – por exemplo, felicidade, compaixão ou lealdade. “Ele também contrabalança o anterior, alongando o corpo de maneira diferente e alternando exercícios de expansão e contração respiratória”, revela Cláudio Duarte.

Como e Quando Praticar

Uma volta completa da saudação compreende duas seqüências – uma é feita começando com a perna esquerda e a segunda com a perna direita. 

Por ser considerada uma profunda saudação espiritual ao Sol, ela costuma ser realizada por volta das 6 horas, quando o astro começa a nascer. Nesse horário, a energia prânica está mais pura, mais sutil, e atua melhor no metabolismo, gerando maior disposição, vitalidade e equilíbrio. Embora esse seja o horário ideal, a surya namaskar, pode ser praticada em qualquer outro momento, sem perda de benefícios. Existe apenas uma restrição: ela só deve ser feita com o estômago vazio ou semivazio, para evitar enjoos e mal-estar.

Para quem está iniciando, a prática deve ser moderada e gradual, com poucas repetições. Como tudo que diz respeito à ioga, ela deve ser feita devagar e com consciência, com a atenção voltada para o que se passa dentro de você. Tente sincronizar cada movimento com a respiração para aguçar a mente e aquietar os pensamentos.

 
Para receber a sequência dos exercícios para impressão, preencha o formulário seguinte.

Vídeo

No vídeo seguinte, apresentado por Richard Freeman, que tem estudado o yoga e vivido na Indía e na Ásia a 9 anos, você terá acesso ao passo a passo dos detalhes de execução do exercício para iniciantes. Apesar da narração estar em inglês, o vídeo é útil até mesmo para quem não entende a língua. Pretendo (assim que tiver um tempinho) colocar legenda em português nesse vídeo.



Vale a pena praticar, claro, sempre respeitando os limites de seu corpo.

Fonte: baseada em artigo da revista bons fluídos

6 comentários:

valeria disse...

querida luciana e de pessoas como voce que este mundo torna-se melhor atraves deste blog.maravilhoso cheio de energia positiva levanta-nos e fazme refletir muito.muito obrigada por tudo isto que faz, outra coisa eu gostei muito docurso da prosperidade so

Cristiane Brandão disse...

Olá Lu!

Que a luz do sol ilumine seus dias.

Até o momento não recebi a seguência dos exercícios "Saudação ao Sol".
Obrigada pela atenção
Um grande abraço
Cristiane Brandão

Luciana Vieira disse...

Olá Cristiane, tudo bem?!
Enviei ontem. Caso não tenha recebido, por favor, entre em contato novamente.

Um beijo!

Luciana Vieira disse...

Olá Cristiane, tudo bem?!
Enviei ontem. Caso não tenha recebido, por favor, entre em contato novamente.

Um beijo!

Equilíbrio! disse...

Olá, bom dia. Estava pesquisando sobre saudação do sol e encontrei seu blog. Coloquei sitação no meu blog, caso não permita, por favor, me avise para que eu exclua. Ok? Estou te seguindo. Parabéns pelo blog.

Luciana Vieira disse...

Oi Equilíbrio, ainda não deu para ler o seu e-mail, mas com certeza irei respondê-lo.
Um beijo