quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Para cada intenção, uma canção

A música tem o poder de purificar e mudar a freqüência energética de uma casa. Para isso, vale ouvir um CD, tocar um instrumento e mesmo cantar.

"O som tem cor, força vital e consciência e pode ser usado para criar um templo sagrado que protegerá sua casa. O som não só limpa e purifica como pode acelerar as vibrações de seu lar para que ele exale luz e vida”, escreve a americana Denise Linn no livro Espaço Sagrado (ed. Bertrand Brasil).

O som é capaz de mudar a freqüência dos campos de energia de um local, influenciando a vida das pessoas que ali vivem. Para aprimorar as qualidades de sua casa, escolha um tipo de música: pode ser CD, música instrumental ao vivo ou mesmo cantos e cânticos em viva voz.

Se optar por um CD, o mais impor tante é selecionar o tipo de música com a qual se deseja alinhar o ambiente. Clássicos como a Ave Maria de Schubert, o Cânone de Pachelbel, músicas de Bach, Albinoni e Gurdjeff despertam os sentimentos mais nobres de nossa alma. Os cantos gregorianos pacificam e invocam a inspiração espiritual. A música new age e os sons da natureza podem funcionar como calmante. Um concerto de órgão barroco é muito purificador. Músicas folclóricas costumam irradiar espontaneidade e leveza. Cantos originais da cultura infantil vibram uma alegria inocente. Seja qual for sua escolha, deixe o CD selecionado tocar repetidamente.

SINOS, FLAUTAS E TAMBORES

Já a música ao vivo é mais poderosa e afeta dramaticamente a qualidade do espaço. De todos os instrumentos, a flauta é o que vibra maior pureza ao ambiente. Mas, se você não toca flauta nem pode contratar um flautista, use um sino ou um tambor.

Pode-se tocar o sino balançando-o com ritmo ou percutindo nele com algum tipo de bastão. Com boas intenções em mente e com o sino na mão, percorra o aposento, tocando, até que todos os sons sejam claros e limpos. Se o som parecer abafado, é sinal de estagnação e bloqueio. Não se esqueça de soar o sino nas quinas e nos cantos e em torno de equipamentos elétricos. “Você pode fazer um primeiro percurso com um sino maior e depois refinar o processo com sinos menores e mais suaves”, ensina Denise Linn. Os sinos circulares tibetanos são bons para a limpeza de espaços. Os sinos de vento, feitos de placas de metal dependuradas, “criam uma energia circular, protetora e saudável”, diz a professora. Eles devem ser colocados onde haja o fluxo suave de vento.

O tambor é útil, sobretudo, para purificar as emoções em um lugar onde houve alguma descarga emocional forte (raiva ou tristeza), onde aconteceram a morte ou a doença. Mentalizando a cura, comece deslizando a mão sobre ele, em movimentos circulares. Depois, tente recriar as batidas do coração, que equilibram e harmonizam. Na hora do toque, deixe que o sentimento funcione. Talvez um aposento exija os toques bem rápidos, e outro, as batidas mais lentas.

Se você não leva jeito para sinos nem para tambores, também pode bater palmas. Isso mesmo. Esse é um método eficiente para dissipar os ares pesados de um lugar. Contra padrões estagnados, bata palmas do chão ao teto, abrindo bem os braços.

CANTOS QUE CURAM

Cantar irradia muito poder. Contase que, certa vez, uma ordem religiosa aboliu o canto de seus monastérios. Algum tempo depois, os monges começaram a adoecer, o que foi se agravando até descobrir a causa: a falta do canto, que foi reassumido fazendo a saúde retornar ao lugar.

Escolha uma música que seja inspiradora ou que tenha algum valor curativo. Os sons sagrados, como o som divino AUM (ou OM) da ioga, têm muito poder. Pode-se ainda entoar repetidamente palavras especiais, como paz, entendimento, harmonia, ou simplesmente orar em voz alta. A casa estará curada quando sua voz sair límpida como a água corrente.

O som é a base do Universo. Tudo o que existe emite uma vibração e também responde ao que é por nós emitido. Vibre o melhor de si e acolha a plenitude que você bem merece.
 
Fonte: Revista Bons Fluídos

4 comentários:

Joyce disse...

Olá Luciana!

Seu Blog é muito legal, visito sempre, parabéns!
(adoro 'brincar' com os peixinhos...rs)

Lucimara disse...

Gosto do seu blog.
Sempre que possível dou uma espiadinha.
Parabéns pela sua dedicação de amor em ajudar tantas pessoas.
Um grande beijo no coração!!!

Nara disse...

Querida Luciana!
Adorei seu blog

thami b. disse...

Adorei o site, estou seguindo e lendo incansavelmente os posts, muito bom. Parabéns!